Sabedoria 3

por soaressilva

Qual é a sua opinião sobre suicídio?

Tenho um terror supersticioso de suicidas. Nem gosto de ler suicidas porque imagino que a cada parágrafo do livro minha mente está ficando mais parecida com a do suicida, cada vez menos capaz de sentir prazer na vida, e que de repente vou sair por aí rolando angustiado no tapete. Ter devoção a um autor é uma forma de canibalismo, de absorver alguma coisa dele, de ficar um pouco mais parecido com ele; e quem diabos quer ficar mentalmente parecido com Hemingway ou DFW?

A Direita política tem condições de crescer e se estabilizar no Brasil? Por quê?

Dois tipos de ser humano:

1) Os que adoram política;
2) Os que odeiam política.

Os primeiros costumam adorar política porque é um meio de se meter na vida dos outros, ganhar poder e dinheiro. Mentem para si mesmos dizendo que a motivação é outra. São na maioria de esquerda, porque é isso mesmo que é a esquerda.

Os segundos não querem se meter na vida de ninguém, nem que ninguém se meta na vida deles. São na maioria de direita, porque é isso mesmo que é a direita.

Portanto, não, a esquerda vai vencer sempre, porque é da natureza deles se organizarem para se meter na vida dos outros, e é da natureza da direita resmungar contra isso e depois tentar esquecer o assunto e voltar a viver a própria vida.

E o Stephen Colbert? Ele é engraçado!

Vilão de Batman.

Não lia “burraldino” há tempos, Lord. Tem mais palavras arcaicas na manga?

Abrindo aqui meu caderninho:

RONCOLHO (que só tem um testículo, mal-castrado)
ZANAGA (vesgo)
DURINDANA (uma espada qualquer; vem, claro, de Durandal, ou Durlindana, ou Durandarte, a espada de Rolando, como bem sabes, meu grande maroto)
DOIDARRAZ (bestalhão)
ASSUSTOSO (que dá medo)
BACOCO (ingênuo, pacóvio)
LELEIRA (fofoqueira)
COLOMINHAR (brincar)
MANINEL (homem afe, ou efe, minado)
MONDONGO (pessoa suja, desmazelada)
COLAREJA (feirante, mulher grosseira do povo)

Gosto de manter esse caderninho com palavras antigas, neologismos (popupa para o ato de algo aparecer em pop up; vi no twitter). Tenho usado algumas aqui e ali quando me soube bem. E aproveito para dar também duas palavras da língua inglesa, não, três:

AQUABIB (bebedor de água, que só bebe água)
LUNTING (andar fumando cachimbo)
CURGLAFF (o choque de mergulhar na água gelada)

Para que lado você beija?

Sempre para oeste de manhã e leste de tarde, porque o sol batendo nos olhos da sua adversária lhe dá uma vantagem significativa.

Pra ti onde termina a boa educação e o refinamento e começa a frescura arrogante e elitista?

É a mesma coisa, vista pelo lado de quem está dentro e pelo lado de quem está fora.

Anúncios